Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2011

Um amor a entregar...

Imagem
Tenho um amor dentro de mim renascido, reinventado, restaurado. Um amor distante dos contos de fadas, das novelas, dos filmes de comédia romântica. Apenas um amor real que, com seus defeitos sobrevive e com suas vicissitudes, se supera.
Tenho um amor dentro de mim sutilmente profundo. Um amor inimputável pelo erro do passado, mas sem nada a importar-se ou temer, pela liberdade que vive no presente. Um amor que vem sofrendo numa longa caminhada de espera. Reparos que somente o tempo é capaz de moldar com seus truques de dor e de esperança.
Tenho um amor dentro de mim vivo, mas adormecido. Não guarda lágrimas para derramar num desprezo, nem  permite se enganar mais com aquilo que meus olhos tentam convencê-lo. Um amor que não procura porque acredita que, de tão perfeito, desejará ser encontrado.
Tenho um amor dentro de mim capaz de parar no tempo. Não imagina o fascínio do melhor instante para não retocá-lo. É melhor deixá-lo acontecer do que programá-lo. O inesperado encanta mais do que o…