Apenas creia.

"não deixe que seus pensamentos, suas palavras, nem as suas ações contradigam aquilo que Deus diz a respeito de você..."

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Enfim...

















Enfim...


A voz silente. Ouvida e refletida e compreendida agora me levou a entender. O que aquela voz quis falar, me colocou numa busca de tamanha inquietude. Eu precisava ver, perceber o que, no fundo nem era preciso assim. Apenas olhar. O olhar falaria.

Quando se tem muito a perder, o risco é temido a ponto de jamais ser confrontado. O enfrentamento das perdas e dos riscos só valem quando o ganhar é aquilo que se precisa perder. Meu risco é alívio. E qualquer que seja a razão do amanhã, o hoje pra mim valeu muito à pena. Coragem pra recomeçar ou continuar acreditando no que nunca foi crido.

Qualquer que seja a hora. O dia de amanhã será mais dolorido pra mim. Mas ó Deus que sonda os corações, vagueia devagarzinho no meu e vem ser meu equilíbrio. Vem Deus ser meu olhar de futuro. Minha visão do que eu realmente precisar ter e viver. Queria que hoje fosse meu passado e lá você estivesse e lá no começo do começo uma ponte pra nós dois.

Qual porta precisa ser aberta? Há uma janela que, as cortinas devem ser trocadas.  Uma chave precisa ser entregue e mudar. Sair. Deixando apenas as heranças do Senhor como laço perpétuo. Apenas isso. O respeito. E a certeza de que novos caminhos precisam ser caminhados.

Mais quieto e mergulhado no meu silencio, assento-me. Sofrer é cotidiano. Suportar tem prazo de validade. Mas como tudo pode acontecer. Acontece. A noite parece longa e, de repente, alguma coisa lá no fundo, despretensiosamente chega e vem pra ficar.

Arruma a casa, organiza as coisas, joga fora tudo da gaveta, esvazia. Limpa  aonde o tempo seco deixou tudo tão empoeirado. Recomece. Tente outra vez. Faça jus ao tempo que antecede a eternidade, chamado vida, ser viva.

É preciso ter paz. Paciência. Perseverança. Não há outro jeito se quiser recostar no meu peito.

             Os dias serão os mesmos.  Não posso sozinho. Do meu lado, o lado vazio cabe aquela porção de tudo que pode ser completo. É um Mar... lá onde quer viver de hoje em diante o meu destino. Afinal vem encher. Vem aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seu comentário será previamente analisado. Obrigado!